Músicas sem direitos autorais para youtubers é um assunto em ascensão. E não é pra menos, todos os dias surgem diversos novos criadores de conteúdo. Alguns entram apenas de maneira impulsiva, criam dois ou três vídeos e largam mão de criar conteúdo para internet. Outros já se mantém, porém usam como base para o sucesso, vídeos saturados e já manjados na plataforma.

Isso não é segredo pra ninguém: Você precisa se destacar entre todos os outros criadores, dentro desse cenário muito competitivo, que é o do YouTube. Com isso em mente, é necessário desenvolver um conteúdo novo, diferente, original e de qualidade – tudo trabalhado nos mínimos detalhes.

Com uma boa música, o seu vídeo pode sim se diferenciar

São nos detalhes que as coisas acontecem ou deixam de acontecer. Por conta disso, elaboramos esse (e vários outros) compilado de músicas sem direitos autorais para youtubers. Com esses arquivos você poderá aumentar o nível de qualidade dos seus vídeos, monetiza-los (ganhar dinheiro com eles) e não se preocupar com copyright, strikes ou em ter que remover um vídeo e edita-lo novamente.

Essas são algumas das vantagens de usar os arquivos disponíveis nessa série:

  • arquivos de altíssima qualidade
  • disponíveis em formato MP3
  • compatíveis com qualquer software de edição
  • ideais para youtubers (de qualquer gênero)

Download e lista de músicas

Esses arquivos estão disponíveis gratuitamente na internet e não há fiscalização sobre eles. Apesar disso, recomendamos que você cite os autores das músicas aqui disponíveis. É uma questão de respeito com os criadores desse conteúdo.

  1. Hello World – Bandana Split
  2. Honors Bio – E-dubble
  3. Kick & Snare – Randolph
  4. MVP – Young Hawkins
  5. The Real – Kidaf
  6. The Rumpus – Upper West
  7. Symbolism – Electro-Light
  8. Kaibu – Killercats

Veja todos os artigos: mais de 110 músicas sem direitos autorais para youtubers

Estudante de marketing, fascinado por empreendedorismo, fã de Flume, narrador do FIFA e viciado em misto quente com Ketchup. Criou esse blog no ensino médio para preencher seu tempo livre. Hoje, tenta sobreviver a partir dele (e de outros blogs).